Governo do Estado do Rio Grande do Sul
Início do conteúdo

Surto de toxoplasmose em Santa Maria é tema de reunião entre secretário Paz e prefeito

Publicação:

Reunião discutiu o surto de toxoplasmose em Santa Maria
Reunião discutiu o surto de toxoplasmose em Santa Maria - Foto: Divulgação/SES

O surto de toxoplasmose em Santa Maria foi o tema de uma reunião entre o secretário estadual da Saúde, Francisco Paz, o prefeito de Santa Maria, Jorge Pozzobom, e a secretária municipal de Saúde, Liliane Duarte, na tarde desta segunda-feira (23). De acordo com Paz, a prioridade no momento é encontrar o foco de infecção e tratar os pacientes com resultado positivo para a doença, especialmente os de gestantes. Até o momento, 21 casos já foram confirmados.

Paz ressaltou que a toxoplasmose é uma doença endêmica, ou seja, o Estado sempre registra casos. "O que temos hoje em Santa Maria é um número maior do que o habitual, por alguma razão, que estamos procurando entender", destacou. "Estamos avaliando os pontos em comum dos casos confirmados para determinar a fonte de infecção, que pode ser o consumo de carne crua ou mal cozida, de verduras mal higienizadas ou de água contaminada", completou. Por isso, desde março, técnicos do Centro Estadual de Vigilância em Saúde (CEVS) e da 4ª Coordenadoria Regional de Saúde (CRS) estão trabalhando em conjunto com profissionais de saúde da área da saúde pública e privada da cidade, fazendo uma busca ativa de casos e investigando as possíveis formas de infecção.

Os medicamentos para tratar toxoplasmose estão disponíveis no Sistema Único de Saúde e os pacientes com a doença estão recebendo o tratamento normalmente. "O nosso esforço hoje é para aumentar a quantidade desses medicamentos disponíveis para a população, adquirindo ou buscando em outros Estados", informou o secretário.  Durante a reunião, Pozzobom agradeceu o apoio do Estado na investigação do surto. "O governo do Estado e do município estão trabalhando de maneira conjunta e isso é essencial", completou.

Secretaria da Saúde