Governo do Estado do Rio Grande do Sul
Início do conteúdo

Saúde do Homem

A Política Estadual de Atenção Integral à Saúde do Homem (PEAISH) compreende os homens na faixa etária dos 20 a 59 anos de idade e tem como objetivo qualificar e ampliar o acesso dos homens gaúchos à rede de serviços de saúde, em especial na atenção básica. Sob o viés da integralidade e da transversalidade com outras políticas, que agregam as especificidades do homem negro, rural, privado de liberdade, LGBT entre outros, buscamos desenvolver espaços de apoio temático e educação permanente junto às Coordenadorias Regionais de Saúde e municípios, fomentando a implementação da saúde do homem em todo o Estado. 

 

A PEAISH tem como objetivos: 

- Facilitar e ampliar o acesso da população masculina aos serviços de saúde, em especial os serviços da atenção básica, garantindo o acolhimento humanizado;

- Promover ações de prevenção, atenção humanizada ao trabalhador e prevenção da violência;

- Inserir o homem no pré-natal, a fim de assegurar o exercício pleno da paternidade;

- Garantir acesso à promoção de saúde, prevenção e acesso ao tratamento de doenças como sífilis e transmissão vertical de HIV;

- Garantir uma linha de cuidado integral para a redução dos fatores de morbimortalidade nos homens.

 

Outras informações:

 

  • Dados Mortalidade 2012

 

  • Dados Mortalidade -2010 

 

  • Dados Mortalidade -2009 

 

  •  Plano de Ação em Saúde do Homem

 

II Seminário Estadual da Política de Atenção Integral à Saúde do Homem

Em agosto de 2013, em comemoração à Semana Estadual da Saúde do Homem, foi realizado o II Seminário Estadual da Política de Atenção Integral à Saúde do Homem: A vida que eu levo... Deixo a vida me levar – Interlocuções no cuidado em saúde às masculinidades.

Este evento contou com a participação de gestores federais, estaduais e municipais, além de trabalhadores, representantes do controle social e profissionais de saúde da atenção básica e saúde da família. O evento proporcionou troca de experiências, socialização de práticas já desenvolvidas nos municípios e a pactuação de compromissos para implementar ações.

O Relatório Final, produto coletivo do seminário, condensa as contribuições de todos participantes (painelistas, gestores, profissionais dos municípios que relataram suas experiências territoriais etc). A partir deste documento, também visamos construir uma perspectiva problematizadora dos aspectos potenciais e dos desafios que o Estado do Rio Grande do Sul e seus municípios precisam superar.

Acesse aqui o Relatório Final do II Seminário Estadual da Política de Atenção Integral à Saúde do Homem.

 

 

Seção de Saúde do Homem-DAS

 

Coordenção: Carlos Antonio Silva 

saude-homem@saude.rs.gov.br

 

Secretaria da Saúde